Ícone RSS Ícone Página Principal
  • Instalação Ubuntu Server 8.04.2 LTS

    Algumas atualizações estão sendo feitas em breve 100% completo

    Passos para a instalação do Sistema Operacional para servidores UBUNTU 8.04.2 LTS com atualizações até 2013, esta é só uma página para ajudar e não para ser uma regra, um padrão de instalação, cada servidor pode ter configurações diferentes de acordo com a necessidade de cada empresa este é somente um exemplo.

    Antes de iniciar, seria interessante abordarmos alguns pontos.

    • O que é servidor?
      Servidor é um computador que normalmente tem uma qualidade superior aos outroscomputadores da rede para poder servir alguns tipos de serviços como o compartilhamento de arquivos e impressoras, fornecimento de endereços IPs, gerenciamento de usuários, controle do acesso a internet e muito mais.
    • Por que eu preciso de um servidor ?
      Em uma residência com um ou dois computadores, realmente este servidor não será tão necessário, mas em um empresa mesmo que de pequeno porte, seria interessante para manter todas as informações centralizadas, controlar os acessos.
    • Por que Ubuntu Server e não Slackware?
      Estamos em um local onde o objetivo é passar informações para aqueles que querem iniciar no mundo de linux, existem diversas distros que poderiam ser utilizadas como o Slackware, Debian, mas o Ubuntu tem algumas ferramentas que ajudam muito neste processo de aprendizado, não queremos complicar e sim facilitar.

    Vamos iniciar a caminhada rumo a Instalação.

    Primeiro precisamos fazer o Download da ISO do sistema eu sempre gosto de ir direto no site do desenvolvedor (UBUNTU), verificar se o seu computador atende os requisitos para a instalação do sistema, escolhendo a opção Server Edition, baixar, gravar a imagem ISO em um cd.

    Procure fazer este processo com calma para ter um CD de instalação integro. Se possível, certifique-se que o download transcorreu normalmente, verificando o checksum do arquivo.

    Procure manter a verificação do processo de gravação do CD ativado e procure observar se o processo não resultou em mensagens de erro que possam comprometer a gravação.

    O próximo passo é iniciar o computador através do CD de instalação gravado, escolher o idioma de sua preferência e Selecionar a opção “INSTALL UBUNTU SERVER”.

    Neste momento o Kernel e os modulos começam ser carregados para iniciar o processo de instalação, o hardware é reconhecido.

    Um momento importante da instalação é a configuração do endereço IP do servidor, que pode ser feita de forma dinâmica ou fixa, se existe na sua rede um serviço ativo que forneça endereço

    IP de forma dinâmica (dhcp), esta opção é mais simples porém não tão interessante pois é melhor que um servidor possua endereço fixo, como estamos no processo de instalação isso não vai gerar nenhum problema pois podemos alterar mais tarde toda a configuração deste servidor, caso não possua, você tem que informar um endereço IP, Gateway e DNS, para que o seu servidor possa se conectar a internet para instalação de novos programas e atualizações.

    *No nosso caso o serviço DHCP estava ativo na rede.

    Configuramos o nome do servidor, de preferência que seja um nome sugestivo.
    O nome do servidor, é uma forma de identificação do equipamento na rede, então se este for um servidor de arquivos com o samba, um cliente com windows xp poderia localiza-lo como \\servidor.

    Escolhemos nosso Fuso horário.

    Os discos e todo hardware restantes serão detectados
    Início do particionamento dos discos.

    **********************************************************************************
    **********************************************************************************
    Momento de muita atenção, principalmente se é um disco rígido que contém informações importantes, (FAÇA BACKUP Sempre) você pode escolher particionamento assistido ou manual, eu prefiro o manual, pois configuro as partições da maneira que atender minhas necessidades, mas você é livre para escolher qual melhor te atende (aconselho conhecer formas diferentes de particionamento).
    *******************************************************************************************************************
    *******************************************************************************************************************

    Todo processo de particionamento… passo a passo.

    Temos que escolher a opção, que no caso foi manual.

    Escolher o disco a ser particionado, vamos trabalhar com um disco inteiro pelo fato de ser um servidor.

    Criar uma nova tabela de partição.

    Escolher o espaço livre.

    Escolher Criar uma nova partição.

    Lembrando estou usando a opção manual, você pode escolher tudo automático.

    Nosso Disco Rígido é de 41,9GB, ai vem a pergunta, só 40GB para um servidor, não precisada de um disco com 500GB ?

    Toda hardware, vai depender da aplicação, um servidor de uma pequena empresa que por exemplo que trabalha com documentos de texto, 40GB é mais que suficiente, mas sempre temos que analisar cada caso.

    Vamos trabalhar com 4 partições primárias, 3 com sistemas de arquivos Reiserfs e 1 SWAP.

    01 – / (raiz do nosso sistema) com 6GB

    Seguindo o mesmo procedimento para as outras partições

    01 – /home (diretório dos usuários) com 32GB

    01 – /var (cache e logs do sistema) com 2,8GB

    01 – SWAP (como uma memória virtual) com 1,2

    Após a gravação das partições no disco inicia o processo de formatação, que é a preparação da mídia pra receber informações.

    Você deve estar se perguntando, por que 4 partições sendo que eu poderia criar apenas a “/” e a “SWAP”, como estamos falando de um servidor, a swap e / são necessárias, já a /home é o local onde vamos armazenar todos os arquivos dos usuários, então pra não ter o risco de um usuário carregar muito o disco e travar o sistema (claro que isso aconteceria por uma falha do administrador), mas vamos lembrar que estamos iniciando a vida com linux, com o tempo vamos trabalhar com cotas, e no caso da /var é uma situação semelhante, lá ficam os logs e cache, se for feito uma configuração errada em um serviço, podem ser gerados muitos logs a ponto de carregar o disco e travar o sistema. Tudo isso só por segurança. 🙂

    Voltando ao processo de instalação…

    Inicia agora a instalação do sistema básico.
    O sistema cria uma conta de usuário sem recursos administrativos, para não se correr o risco de danificar o sistema no dia a dia

    Vamos criar um usuários para ter acesso ao sistema.

    Vamos criar uma senha e confirma-la.

    A configuração do proxy só é necessária caso exista algum na sua rede.

    Existem diversos serviços que podem ser instalados, não selecionei nenhum para deixar o sistema bem “enxuto”, vamos instalar os serviços aos poucos.

    Após a escolha dos pacotes ele vai concluir a instalação

    Instalar o grub que é o gerenciador de inicialização (boot) padrão do Ubuntu e finalizar a instalação do seu sistema operacional para servidores UBUNTU SERVER 8.04.2 LTS, remova o cd do drive e reinicio seu sistema.

    Pronto seu Ubuntu Server esta sendo iniciado.

    Faça o login com o usuário criado e pode começar a usar o sistema.